EJ - Escola de Aviação Civil


Vídeos

EJ Escola de Aviação

Vídeo: conheça nossos aviões,
simuladores, infraestrutura e saiba
mais sobre a nossa escola

Confira o vídeo


    Mural Informativo


  • Mireli Rinaldi, nossa instrutora de voo contratada pela Avianca

    O mês de julho tem sido repleto de boas notícias para a EJ. Representando o time feminino, Mireli Rinaldi, de 29 anos, acaba de ser contratada por uma Cia Aérea. 

    Conheça um pouco da sua história, dedicada especialmente às mulheres da aviação:

    "Desde pequena me lembro do meu pai me levando para assistir algumas apresentações da esquadrilha da fumaça no antigo Aeroclube de Mogi Mirim, e foi em muitos eventos deste tipo, com meu pai, que meus olhos brilhavam ao ver os aviões. A vontade de poder pilotar falava mais alta que eu, era algo que eu acordava e dormia pensando, desde os meus 13 anos de idade.

    Na época lembro que para mim era um sentimento de frustração, pois acreditava que a profissão de piloto era uma profissão masculina e que talvez eu nunca realizaria o sonho grandioso de pilotar um avião. Meu mundo deu muitas voltas e, em 2010, quando trabalhei como despachante de voo na Tam Linhas Aéreas em Viracopos, fui surpreendida ao entregar a documentação de voo e ser recebida por UMA Copiloto na cabine da aeronave. Foi nesta hora que encorajei-me a lutar pelo meu sonho.

    Realizei o curso de Piloto Privado no Aeroclube de Campinas, e o curso de Piloto Comercial e Instrutora de Voo na EJ. Pela facilidade de agendamento de horas, frota de aeronaves, alojamento feminino e todo suporte proporcionado, optei na época por concluir todos os meus cursos na EJ. Formei-me instrutora de voo e guardo com muito carinho cada aluno que tive a oportunidade de ministrar instrução. Enfatizo a importância do piloto deter a carteira de instrutor, pois foi por cada instrução que consegui ganhar maturidade e experiência como piloto, além de atingir os mínimos para a Linha Aérea.

    Gostaria de agradecer a Deus primeiramente, pois sem ele ao meu lado eu não teria chego a lugar algum. Também agradeço meus pais, irmãos e meu namorado, que desde o momento que decidi ir em busca de um sonho e, diante de tantas dificuldades , estiveram ao meu lado, me apoiando e incentivando sempre.

    Deixo a mensagem para aquelas mulheres que como eu, tinham um sonho desde pequena de se tornar piloto: mesmo diante de muitos obstáculos que possam aparecer, este sonho é possível", diz Mireli.

    A EJ lhe deseja muito sucesso na sua carreira profissional e orgulha-se desta conquista, que representa a força das mulheres na aviação.

    Voe mais alto.

  • EJ Campo Verde comemora seu 2º aniversário

    Neste sábado (15) a EJ Campo Verde está comemorando o seu 2º aniversário. No decorrer do dia, alunos, amigos e colaboradores estarão juntos celebrando a data, contando inclusive com a presença da Esquadrilha EJ para abrilhantar o evento.

    Apesar do curto tempo de operação, a Unidade Campo Verde tem muito a comemorar. No decorrer dos seus dois anos o número de horas voadas aumentou expressivamente a cada ano que se passou, como demonstram os dados a seguir:

    2015 (jul a dez) - 233,8 hs
    2016 (jan a dez) - 1.627,5 hs
    2017 (jan a jul) - 1.064,6 hs

    Ao todo, são 2.925,9 horas voadas. Atualmente a frota da base conta com 06 aeronaves (02 Cessna 152, 02 PA-18, 01 Tupi, 01 Seneca) e 01 simulador IFR. Estima-se que a marca de 2.000 horas voadas/ano seja atingida até o final de 2017.

    A EJ sempre apostou na região Centro-Oeste do país. "Essa região é muito forte na agricultura, porém sempre foi muito carente na formação de pilotos, então decidimos ser o lugar certo para levarmos o nosso padrão técnico e qualidade de ensino", diz Josué, diretor da Escola.

    Além disso, a Escola trabalha em parceria com as Autoridades locais, sempre muito prestativas, para trazer melhorias para o Aeroporto. Uma das melhorias que se busca é o asfaltamento da pista, tornando não só a instrução de voo, mas também as operações gerais do aeroporto muito melhores.

    "O povo de Campo Verde nos acolheu muito bem, o que nos motiva a prosseguir com nosso trabalho e dedicação, buscando oferecer um bom serviço a toda região", conclui Edmir, também diretor da EJ.

    A EJ agradece a todos os seus alunos, amigos e colaboradores que fazem parte dessa história de sucesso que ainda está por se desenvolver.

    Na EJ Campo Verde, você voa mais alto.

  • Nicola Colella, mais um de nossos instrutores contratados pela Avianca

    Mais um instrutor de voo da EJ foi contratado por uma Cia Aérea. Dessa vez trata-se de Nicola Colella, de 33 anos, natural de São Paulo/SP.

    Conheça um pouco da sua história e a mensagem que ele deixa a quem está ingressando na carreira:

    "Desde minhas primeiras memórias infantis, lembro-me de sentir uma alegria genuína quando cercado pelo cheiro ou pelo som de motores. Lembro-me também da fascinação que os aviões exerciam sobre mim. Porém, por razões aleatórias à minha compreensão, a vida adulta me levou para outras áreas. A verdade, no entanto, é que nasci para a aviação, e nada me fez verdadeiramente feliz até o ano de 2012, aos 28 anos, em que me percebi emocional e financeiramente pronto para deixar tudo que havia me definido profissionalmente para trás, e mergulhar em minha formação aeronáutica.

    Cursei o PP, PC e INVA teóricos no Aeroclube de São Paulo pela praticidade de estar ao lado de minha casa, e fiz todos os meus voos dos cursos práticos na EJ Jundiaí ao longo dos finais de semana. Não parei sequer para férias neste período, e mesmo após o fim dos cursos, com as carteiras em mãos, meu interesse e obstinação por uma aviação mais eficiente e segura, me levaram a cursar uma pós graduação em Segurança de Voo e Aeronavegabilidade no ITA.

    Em 2014, surgiu a primeira oportunidade profissional para atuar como copiloto de um Cessna Citation na aviação executiva. Sempre desejei, contudo, a linha aérea, o que facilitou a tomada de decisão por abraçar a grande virada da minha carreira até agora, que foi tornar-me instrutor prático e teórico da EJ.

    Foi esta experiência, ao lado de grandes colegas de trabalho, mestres e alunos desafiadores que pude me tornar um aviador em condições de pleitear uma vaga e ser aceito em uma grande companhia aérea comercial. Não posso deixar de mencionar, que por maior que tenha sido meu empenho e entrega em minha formação profissional, nada seria possível sem o encontro com aviadores admiráveis, tais como o Comandante Buran, os diretores da EJ, Comandantes Josué e Edmir, chefes de instrução, os Comandantes Damasceno, Hendel e Ranzini. Da mesma forma o suporte e incentivo constante da minha família e amigos, contribuíram para a minha edificação como pessoa e piloto num exercício apaixonado de responsabilidade, dedicação e gratidão.

    Aos que estão ingressando na profissão, deixo o recado de que tudo é possível se você manter o foco e procurar evoluir mental e tecnicamente todos os dias".

    A EJ mais uma vez agradece pela confiança e lhe deseja muito sucesso.

    Voe mais alto.

Tel.: Itápolis-SP: 55 16 3263-9160 - Jundiaí-SP 55 11 4815-1984

São Paulo-SP 55 11 3459-5233 - Campo Verde - MT 55 66 3419-4157