EJ - Escola de Aviação Civil


Quem Somos

Pilotar aviões é para mim?


Entendendo os primeiros passos

Antes de respondermos essa pergunta, precisamos fazer outra pergunta para você. Ser um piloto de avião sempre foi seu sonho?
Se a resposta para essa segunda pergunta é sim, podemos dizer que pilotar aviões é para você.
Existem dois perfils distintos para quem sonha em ser piloto:


Perfil 1

Quer que o seu sonho de voar seja sua
profissão. Deseja ser piloto comercial.
Ama voar.

Perfil 2

Já tem sua profissão e quer ter
a aviação como lazer e hobby.
Ama voar.


Curso de Piloto Privado

Tanto quem deseja ser um profissional da aviação, como para quem deseja voar por hobby, o curso de Piloto Privado é o primeiro passo. Neste curso você aprende a pilotar aviões monomotores em condições visuais. E começa a voar solo, sem o auxílio de instrutores, ainda no decorrer do curso.


Como se tornar piloto de avião em seis passos:

01

Exame médico e aulas teóricas

Fazer exame médico e comprar seus livros. Você pode fazer a prova da ANAC sem um curso teórico homologado e estudando por conta. Mas a EJ oferece um curso intensivo de 40 dias, para quem tem vontade de agilizar. O pré-requisito é ter 18 anos de idade e ensino médio completo.

02

Primeiras aulas

Com a aprovação na ANAC dos seus conhecimentos teóricos, você pode iniciar as aulas práticas. Recomendamos o Cessna 152, a aeronave mais popular do mundo para se ter aulas de voo. No início, logo no primeiro voo, você começa a aprender alguns procedimentos de segurança e a voar reto e nivelado!

03

Aprendizado

As primeiras horas, você aprende a controlar o avião em voo: curvas, subidas, descidas e voos planados, além disso, todos os procedimentos de segurança de cada momento do voo. E na metade do curso, começa aproximar para pouso, pousar e decolar, junto com o instrutor.

04

Seu primeiro voo solo!

É um voo curto próximo ao aeroporto de origem. Este momento é marcante e é o auge do curso, além disso, é o momento que fica marcado na memória de todos os aviadores pelo resto da vida e absolutamente importante para sua formação.

05

Navegações

Você volta a voar com o instrutor para aprender mais e mais, repassa detalhes e deixa sempre fresco na memória todos os procedimentos. E começa a navegar, ir de um aeroporto para outro, usando desde mapa e bússola, até recursos mais avançados, como o GPS. Você pode voar o Cessna 172 se desejar.

06

Navegações solo!

Você, no fim do seu curso de PP, começa a fazer pequenas navegações sozinho. É importante para o piloto, criar e ter auto-confiança. É obrigatório na nossa escola o aluno voar pelo menos 10h solo no curso que tem no seu total, 46h de voo. Variando um pouco de aluno para aluno.


Perfil 1

Quer que seu sonho de voar
seja sua profissão.

Agora é hora de se especializar. Seguir em frente para quem deseja ser um profissional. O primeiro passo é iniciar o Curso de Piloto Comercial e outras especializações, como o voo em aeronaves multimotoras e o IFR (Instrument Flight Rules), que é o voo de aeronaves por instrumento, essencial na aviação comercial. Conheça a página com todos os nossos cursos

Cursos

Perfil 2

Já tem sua profissão e quer levar
a aviação como lazer e hobby.

Você agora é um aviador. Seu sonho é mais fácil do que imaginava. Agora você está habilitado para voar aviões monomotores em condições visuais de meteorologia. A EJ aluga para você as aeronaves em que você fez o curso para que continue voando. As horas de voo que você fizer, além de tudo, serão válidas para o curso de piloto comercial, onde o piloto precisa de cerca de 100 horas após o curso de PP para se formar. Isso é bom para que se um dia lhe der vontade de mudar de profissão. Assim você tem, além de tudo, uma carta na manga. Claro, que para se formar PC, você precisará de outra prova teórica, outro exame médico, e outras especializações. Mas boa parte do próprio curso de PC são os voos visuais em comando. A mesma experiência que você adquire voando pelo prazer de voar.


Perguntas Frequentes

  • Existem diferenças no curso de PP para quem deseja voar por hobby ou para quem deseja ser profissional?

    Não. O curso é o mesmo, tanto para um, quanto para outro. Claro que por ser um curso personalizado, onde cada aluno faz seu voo com seu instrutor, existe um respeito ao tempo de aprendizado de cada um. Mas o rigor das exigências, tanto para quem deseja seguir na profissão como para quem deseja voar por hobby, é o mesmo.

  • Fora o rigor das operações de voo em si, como é o agendamento das aulas?

    Neste caso entra, sim, uma diferença, o respeito ao tempo que cada aluno pode se dedicar. Normalmente os que pretendem ser profissionais tem maior possibilidade de se dedicarem integralmente e os que aprendem a voar por hobby, voa mais aos fins de semana.
    Exemplos: você pode fazer a parte prática de seu curso completo de PP em um mês, em casos de férias de trabalho, ou fazer o agendamento apenas para voos aos fins de semana.
    Na EJ os alunos montam a sua escala de voos através de um sistema on-line. Onde eles tem a possibilidade de escolher qual o prefixo da aeronave que quer voar, o instrutor de voo, a data e hora de suas decolagens. Ou seja, você pode fazer seu curso em um mês ou em até 6 meses, dependendo de sua preferência. Não recomendamos que seja mais espaçado que isso. Claro que se você quiser fazer o curso compacto, em um mês, voando praticamente todos os dias, você terá mais dificuldade para escolher o mesmo instrutor de voo, por exemplo.

  • O exame médico, como é?

    Você tem duas formas de fazer o exame médico de Segunda Classe, que é o exigido para o curso de PP, a primeira forma é fazê-lo nos hospitais da aeronáutica, como o HASP em São Paulo, no Campo de Marte, a outra é em médicos credenciados pela ANAC, que existem em diversas cidades.

  • O exame é rigoroso?

    Um pouco, mas nada extremamente exigente. Não precisa ser um maratonista para ser aprovado. Basicamente só são reprovados pessoas com doenças graves e crônicas. Você quer ser piloto privado de avião, não astronauta da NASA.

  • Posso fazer o curso de PP em qual tipo de Aeronave?

    Recomendamos o Cessna 152. É uma aeronave mais barata para o aprendizado inicial. Mas também recomendamos voar outros aviões de nossa frota, como o Cessna 172. Este é muito bacana quando estiver próximo de completar o curso e estiver em suas navegações, porque além de tudo você já aprende a navegar com os recursos do Glass Cockpit, onde todas as informações de voo ficam dispostas em telas de LCD no painel do avião, como nos grandes aviões comerciais.

  • Qual o método de pagamento das horas de voo?

    Você pode pagar em até 10 vezes cada um de nossos cursos, no cartão de crédito.

  • Tenho mais dúvidas, o que faço?

    Mande uma mensagem para nós através da aba contato ou faça-nos uma visita em uma de nossas unidades, conheça a nossa estrutura, os aviões, converse com nossos instrutores e outros alunos.
    Lembre-se, voar não é difícil nem muito distante.


Aluno voa e navega solo. De verdade.
Este é um princípio de formação de
aviadores na EJ Escola de Aeronáutica

Ver Video


    Mural Informativo


  • EJ abre sua quarta base de voo em Americana-SP

    A EJ Escola de Aeronáutica Civil, a maior escola de aviação da América Latina, iniciou operações nesta segunda, 2 de setembro, em sua nova unidade em Americana, interior de São Paulo, cidade com 233 mil habitantes pertencente a região de Campinas, que compõe 18 municípios e uma população total de cerca de 3 milhões de pessoas. A base funcionará em um hangar no aeroporto municipal, com 1500 m2, 6 salas de aulas, simuladores de última geração, e deverá manter uma frota média de 12 aeronaves.É a quarta unidade de ensino prático da EJ, escola que possui mais de 60 aeronaves e milhares de alunos formados atuando em companhias aéreas, aviação executiva e agrícola. A sede, em Itápolis, foi fundada em 1999, a segunda unidade inaugurada foi em Jundiaí, em 2008, e a terceira em Campo Verde, Mato Grosso, em 2015.A unidade Americana já inicia completa para formação de pilotos para a aviação executiva e de linha aérea, onde oferecerá cursos desde o piloto privado ao piloto comercial, entre diversas especializações, como o curso instrutor de voo e de voo por instrumentos. “Todas as nossas unidades são completas na formação dos cursos para pilotos profissionais. Itápolis e Campo Verde, além da formação destes cursos, oferece o ensino voltado para setor da aviação agrícola, com formação inicial em aviões convencionais”, afirma Josué Andrade, diretor da EJ.O investimento na EJ Americana é reflexo da confiança ressurgindo no mercado aeronáutico, como a anunciada taxa de ocupação da GOL Linhas Aéreas Inteligentes, a maior companhia aérea doméstica nacional, que chegou a 85,3% em julho deste ano, um crescimento de 2,2% em relação a julho de 2018, além da recém anunciada contratação de cerca de 1500 tripulantes pela Azul Linhas Aéreas nos próximos anos, companhia que anunciou incremento de 33 aeronaves em sua frota. “O mercado aeronáutico geralmente é o prenúncio do que ocorre na sequencia com a economia em um todo, essa taxa alta de ocupação e novas contratações são sinais de bons momentos no horizonte”, afirma Edmir Gonçalves, diretor da EJ.FaculdadeUm dos planos futuros é a implementação da EJ Escola Superior de Aviação Civil também na unidade Americana. “Estamos avaliando com o MEC (Ministério da Educação) essa possibilidade, o curso de nível superior é oferecido neste momento apenas em na sede, em Itápolis. A região de Campinas é conhecida por grandes universidades como a Unicamp e PUC, e tem muita demanda de alunos buscando formação universitária também no ramo aeronáutico. E este currículo tem sido muito valorizado pelas companhias aéreas na hora de selecionar aviadores”, afirma Josué Andrade, diretor da EJ.DiferenciaisA EJ é uma das poucas no Brasil que cumprem à risca o regulamento da ANAC - Agência Nacional de Aviação Civil, e autoriza seus alunos a voarem solo, inclusive em navegações, mesmo durante o curso de piloto privado. “Nós confiamos na nossa qualidade de ensino e no padrão de pilotagem dos treinamentos. Se um aluno termina seu curso de piloto sem ter voado, e principalmente navegado sozinho, ele é apenas um meio piloto. Isso, por sí só, já é um imenso diferencial em relação as escolas da região”, afirma Andrade. “Outros diferenciais na pilotagem são os cursos de Upset Recovery, essencial para um aluno dar um passo a frente em relação a segurança de voo, e o RNAV, já junto com o curso de voo por instrumentos”, afirma Josué Andrade.EJ AmericanaA nova unidade deve gerar cerca de 20 empregos diretos inicialmente, com tendência de aumento por causa da demanda, e contou com o apoio administração municipal. “A população nos acolheu muito bem na cidade, ela e o prefeito Omar, que está sabendo aproveitar muito bem o potencial deste aeroporto tanto na geração de empregos como para o prestígio da cidade. No ponto de vista aeronáutico é um aeroporto com excelente infraestrutura para a aviação geral e bastante próximo de Campinas, o que facilita em muito as aulas práticas para pilotos comerciais, onde os alunos voarão para lá para fazer seus treinamentos de aproximação por instrumentos, maximizando a qualidade suas horas de voo”, afirma Edmir Gonçalves, diretor da EJ.

  • Clientes ganham desconto em compras pelo chat ou canal Whatsapp

    A EJ fornece facilidades para quem busca informações sobre cursos ou compras pelo chat ou pelo nosso canal do Whatsapp.Em compras realizadas por esses canais, os clientes recebem desconto em até 15% dependendo do curso, além de possibilidades de parcelamento. Consulte.Canal WhatsappO Chat Online EJ você encontra pelo ícone à direita no fim desta página.

  • Lista dos Aprovados para o Curso de Pilotagem Profissional de Aeronaves

    Abaixo segue o resultado do processo seletivo, realizado no dia 14/06/2019:1º Igor Calcagno Vaz Vellasco Pereira Aprovado 2º Igor Faliza Sampaio de Sousa Aprovado Aprovado 3º Alessandro Pereira Rosado Aprovado 4º João Matheus Marques Villalba Aprovado 5º Bruno Bernal Aprovado 6º João Paulo Castanheira Aprovado 7º Kim Rocha Camps Aprovado 8º Tâmata Renata Tezoto Aprovado 9º Gustavo Braga Bassoto de Andrade Aprovado 10º Gustavo Diniz Alves Santos Aprovado 11º Giovanne Takano Aprovado 12º Alex Matheus Batista da Silva Aprovado 13º Victor Weslen Dos Santos Aprovado 14º Lucas Henrique Pinto Aprovado 15º Luis Felipe de Andrade Dias Aprovado 16º Guilherme Lopes Amaral Aprovado 17º Thiago Chefer Koch da Cunha Aprovado* Os candidatos que foram reprovados no vestibular não aparecem nesta lista.* Aos aprovados, fiquem atentos, pois as matrículas serão realizadas entre os dias 24 a 28 de junho de 2019 conforme instruções no edital.

Homologação ANAC
Número 051

DOU 03/05/18

QUALIDADE
ISO 9001:2015

Tel.: Itápolis-SP: 55 16 3263-9160 - Jundiaí-SP 55 11 4815-1984

Campo Verde - MT 55 66-3419-1510