EJ - Escola de Aviação Civil


Notícias

Demanda na aviação cresce e EJ contrata mais três instrutores de voo. Leia seus perfis.


A EJ contratou três novos instrutores para sua equipe. Desde o início do ano já são 15 as novas admissões. Elas são anunciadas logo após notícias de boas perspectivas do mercado nacional, como a recente divulgação pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) de um aumento da demanda de 5,7% na aviação doméstica em fevereiro, comparado com o mesmo mês de 2017.

A demanda internacional por voos entre Brasil e Europa, segundo números também divulgados pela agência, cresceu exultantes 12%, comparando os números de março deste ano e de 2017, agora totalizando 247 voos por semana. “Desde o ano passado temos visto uma retomada crescente da demanda das linhas aéreas e isso reflete na necessidade de formação de novos profissionais”, afirma Anderson Silva, diretor administrativo da EJ.

Dois dos três novos instrutores atuarão na unidade Itápolis e um na unidade Jundiaí da EJ. “Com a tendência de crescimento, muitos de nossos instrutores estão sendo contratados por companhias aéreas, abrindo espaço para novos juntarem suas horas de voo”, diz Josué Andrade, diretor da EJ. “Eles começam dando instrução visual diurna nos Cessnas 152 da escola, e quanto mais horas tem, mais sobem na função de instrutor, partindo para outras aeronaves, voos noturnos e no ensino de voo por instrumentos. Assim eles quando vão para as companhias aéreas, já estão bem experientes”, complementa.

Conheça os perfis:

Marcio Moraes Santos
Realizou todos os cursos na EJ nas unidades Itápolis e Jundiaí. É natural de São Paulo, tem 32 anos, e possui hoje 265 horas de voo. Graduou-se em sistemas de Informação pela Mackenzie e em Aviação Civil pela Anhembi Morumbi. “Me apaixonei pela Aviação ainda muito novo, me lembro que passava de carro por aeroportos com meus pais e ficava ansioso esperando que passasse alguma aeronave pra que eu pudesse tirar foto. Desde então cultivei esse sonho dentro de mim, mesmo que tão distante. Hoje, é um sonho realizado trabalhar na área, e não apenas meu, mas de minha família que sempre acreditou e me ensinou que quando queremos algo, basta se dedicar e nunca desistir”, afirma.

Tiago Vilaça Ribeiro
Formado integralmente, desde o piloto privado ao INVA, instrutor de voo, na EJ Jundiaí, é natural de São José dos Campos, no Vale do Paraíba. Tem 27 anos, 310 horas em aeronaves homologadas e 230 em ultraleves avançados. Graduou-se em Aviação Civil pela Anhembi Morumbi e concluiu sua pós-graduação em Segurança de Aviação e Aeronavegabilidade Continuada no ITA (Instituto Tecnológico da Aeronáutica). “Desde a minha primeira viagem de avião, com 6 anos, me apaixonei pela aviação. Após o meu primeiro voo na EJ em 2009, tive certeza do que queria como profissão, podendo desfrutar de paisagens, ter a sensação de liberdade e oportunidade de conhecer novos lugares”.

Hugo Mendes Vidigal
Natural de Recife, Pernambuco, tem 33 anos, mora em Itápolis desde 2002. Iniciou na aviação em 2012 na unidade Itápolis da EJ, onde realizou todo seu treinamento, do piloto privado à especializações. Possui 257 horas de voo, incluindo simuladores. É graduado em Administração de Empresas pela UNIP - Universidade Paulista. “Em 1994 a seleção brasileira foi tetracampeã da Copa do Mundo e no retorno ao Brasil a primeira parada foi no Recife, minha cidade natal. Enquanto todos estavam eufóricos com o título eu queria mais informações sobre a aeronave, um DC10 da Varig, trijato azul e branco com as faixas verdes e amarelas”, conta.

Publicado em 12/04/2018


Vídeo: conheça nossos aviões,
simuladores, infraestrutura e saiba
mais sobre a nossa escola

Confira o vídeo

Homologação ANAC
Número 051

DOU 03/05/18

QUALIDADE
ISO 9001:2008

Tel.: Itápolis-SP: 55 16 3263-9160 - Jundiaí-SP 55 11 4815-1984

São Paulo-SP 55 11 3459-5233 - Campo Verde - MT 55 66-3419-1510