EJ - Escola de Aviação Civil


Notícias

Com 103 horas de voo, EJ conclui refreshment prático de seus instrutores


No último mês a EJ investiu mais de 100 horas de voo em um curso de refreshment de padronização e técnicas de pilotagem, nos instrutores dos cursos de Piloto Privado, Comercial e INVA, das Unidades Itápolis e Jundiaí. Não participaram deste treinamento os instrutores da Unidade Campo Verde, instrutores de Acrobacia e Upset, e os instrutores do curso Agrícola.

No total, 70 instrutores passaram pelo treinamento prático. Os instrutores de Campo Verde já haviam passado pelo treinamento no final de 2016. No caso desta unidade, o treinamento foi um pouco diferente, porque ela possui, além dos aviões triciclos, dois aviões Piper PA-18.

Foram 33 horas voadas com os diretores da EJ e 70 horas com uma equipe de instrutores especialmente formada para este treinamento. Totalizando mais de 100 horas de voo e 430 operações de pousos.

"Estávamos começando a ter o mesmo mal que atinge as companhias aéreas depois de um longo tipo de padronização e grande quantidade de pilotos, eles começam a voar dentro de uma zona de conforto e não saem dela, explorando pouco os três eixos das aeronaves", explica Josué, que antes de ser diretor da EJ foi comandante de linha aérea.

"Tiramos as pessoas da zona de conforto, quase automatizado, e as colocamos no voo como se fazia antigamente, para que eles voltem, a partir de diversas situações, para o voo padronizado", complementa. "É o que os mais antigos chamavam de voo elegante, do pé e mão, e nunca podemos deixar esses primórdios básicos se dissiparem", explica Edmir Gonçalves, diretor da EJ.

Este treinamento foi uma sugestão do NEEA-EJ, Núcleo de Ensino e Estudos Avançados da EJ, baseado em diversos estudos sobre automatismo na aviação. E foi também hora de revisar a interpretação do próprio manual de instrução, que podem gerar inclusive, uma economia de combustível ao melhorar o gerenciamento de energia em alguns pontos dos voos, como por exemplo, o momento de baixar os flaps no caso de a torre estender a perna do vento devido a tráfego excessivo no aeroporto. Neste caso, deixando para dar o flap, e "sujar o avião", na longa final.

Este treinamento faz parte da constante preocupação da EJ com a qualidade de instrução da escola. "Não podemos afirmar que estamos imunes a erros humanos, nem nós, nem qualquer companhia aérea, mas a nossa função é reduzir essa possibilidade ao máximo", conta Lucas Delcaro, do NEEA-EJ.

"O investimento em nossos instrutores é peça fundamental da boa instrução. Eles são capazes de transmitir, além da técnica de voo, confiança e responsabilidade aos nossos alunos", conclui Josué Andrade.

Publicado em 05/04/2017


Vídeo: conheça nossos aviões,
simuladores, infraestrutura e saiba
mais sobre a nossa escola

Confira o vídeo


    Mural Informativo


  • EJ confirma participação na Agrishow 2017

    Nos dias 1 á 5 de maio, a EJ estará na Agrishow 2017, na cidade de Ribeirão Preto, no interior de São Paulo.

    Considerada uma das três principais feiras de tecnologia agrícola do mundo e a maior e mais importante na América Latina, a Agrishow é vitrine das mais avançadas tendências e inovações tecnológicas para o agronegócio.

    A EJ levará para a feira um time completo de atendimento e instrutores de voo, que poderão conversar e interagir com o público através de um simulador.

    As informações da feira podem ser encontradas no site www.agrishow.com.br

    Voe mais alto.

  • EJ contrata mais 6 instrutores para a unidade de Jundiaí.

    A EJ Escola de Aviação contrata mais seis novos instrutores para compor seu quadro técnico na base de Jundiaí.

    Todos os candidatos passaram pelo processo seletivo, sendo aprovados em todas as fases e avaliações. Conheça cada um dos novos contratados e onde se formaram:

    Caio Storolli Pedron
    Caio é natural de Araras – SP, tem 24 anos, e realizou todo o seu treinamento na EJ, unidade de Jundiaí.

    Danilo Duarte Coelho
    Danilo é de São Bernardo do Campo - SP, tem 23 anos, e realizou todo o seu treinamento na EJ, unidades de Itápolis e Jundiaí.

    Fábio Luiz Rossi Junior
    Fábio é natural de Santo André – SP, tem 22 anos e realizou todo o seu treinamento na EJ, unidade de Jundiaí.

    Guilherme Henrique Neves
    Guilherme é de Várzea Paulista – SP, tem 23 anos e realizou todo o seu treinamento na EJ, unidades de Itápolis e Jundiaí.

    Lucas Escudero
    Lucas é de São Paulo – SP, tem 23 anos e realizou todo o seu treinamento na EJ, unidade de Jundiaí.

    Marcel Guziloto
    Marcel é de Itatiba – SP, tem 33 anos e realizou todo o seu treinamento na EJ, unidades de Itápolis e Jundiaí.

    Aos novos instrutores, nossas boas vindas.

    Saiba mais sobre nossa estrutura e cursos através do e-mail contato@ej.com.br ou ligue:

    Itápolis-SP - 16 3263 9160
    Jundiaí -SP - 11 4815 2325
    São Paulo-SP - 11 3459-5233
    Campo Verde-MT - 66 3419-4157

    Voe mais alto.

  • Manutenção de proficiência nos simuladores da EJ São Paulo Congonhas

    Um número crescente de alunos procuram a EJ em sua Unidade São Paulo Congonhas para praticar aquilo que já aprenderam durante os treinamentos, mantendo-se assim sempre atualizados e preparados para as oportunidades profissionais.

    É o caso do aluno Marcelo Caio Barbiero, que após ter concluído todo o seu treinamento na EJ agenda regularmente voos no simulador. "Realizando sessões em um simulador homologado me sinto um piloto muito mais bem preparado para as futuras oportunidades no mercado de trabalho, já que nesse ambiente tenho a oportunidade de executar voos IFR num equipamento realista, em qualquer localidade sob condições meteorológicas marginais e ainda, ser observado por um instrutor experiente que me dará um feedback sobre a lição realizada” diz Marcelo.

    "Muitos são alunos que ainda não tiveram oportunidade de estar voando profissionalmente. Existem, ainda, alguns que mesmo estando voando, se inscrevem com frequência. A média de marcação dessas aulas gira em torno de 4 a 8 horas a cada 30 ou 40 dias” comenta o instrutor Hercules Breseghelo, que além de um extenso currículo possui mais de 5 mil horas somente nos simuladores da EJ.

    "Cérebro trabalhando igual cérebro atualizado e decisões mais acertadas” completa o nosso instrutor.

    Voe mais alto.

Tel.: Itápolis-SP: 55 16 3263-9160 - Jundiaí-SP 55 11 4815-1984

São Paulo-SP 55 11 3459-5233 - Campo Verde - MT 55 66 3419-4157